Portal dedicado ao Espaghetti Western

Letras-Lyrics-Song-Sung-Espaghetti Western-História-Músicas-Entrevistas-Curiosidades-Pesquisa-Opinião-Atores Brasileiros no Espaghetti Western-Atualidades-Homenagens-Resenhas-Sinópses-Subtitles-Legendas-Filmes.

20 agosto 2013

Águia Negra de Santa Fé - Especial Brasil



Águia Negra de Santa Fé – Brasil
I Gringos non perdonano
Die schwarzen Adler von Santa Fe -  Alemanha
Black Eagle of Santa Fe - USA
Produção: Alemanha/Itália/França – 28 de Agosto 1965
Duração: 91 minutos
Direção: Ernst Hofbauer, Alberto Cardone ( Albert Cardiff)
e creditado também à Ennio Girolami (Thomas Moore)
Escrito: Jack Lewis
Produção: Wolf C. Hartwig
Musica - Direção: Gert Wilden 
Fotografia: Hans Jura    
Edição: Herbert Taschner
Língua original: Alemão
Co-Produção:  Metmeus (Roma – Mario Siciliano),
Constantin (Monaco) Societe' Nouvelle Cinema (Paris)
Formato: Ultrascope Eastmancolor

 
Brad Harris - Cliff McPherson/Xerife
Joachim Hansen - Captain Jackson
Pinkas Braun -  Cavalheiro
Werner Peters - Morton
Helga Sommerfeld - Cora Morton
Edith Hancke - Alice
Olga Schoberová (Olly Schoberova) - Lana Miller
Serge Marquand - Blacky James
Ennio Girolami (Thomas Moore) - Slim James
Tony Kendall – Chefe Águia Negra
Joseph Egger (Josef Egger) - Vovô Buddy
Jacques Bézard                (Jakie Bezard) - Pasquale
Horst Frank - Blade Carpenter
Ronny – Cowboy cantor
Ángel Ortiz - Sargento
Lorenzo Robledo - Mensageiro


Dubladores para a versão Inglesa
Heinz Engelmann - Cliff McPherson
Klaus Havenstein - Sargento
Wolfgang Hess - Fernando
Klaus Kindler - Slim James
Til Kiwe - Blacky James
Werner Lieven - Morton
Kurt E. Ludwig   - Pasquale
Christian Marschall – Chefe Águia Negra
Marianne Mosar - Lana Miller
Horst Sachtleben – Mensageiro
Dietmar Schönherr - Captain Jackson
Janez Vrhovec e Annie Giss.  


Em um dos vários ataques na região, os Comanches atacam a cidade de Silver Hill.
Os colonos e populares evacuam a cidade às pressas e se refugiam do ataque no Forte Eagle Rock, comandado pelo Capitão Jackson e mais vinte e cindo soldados de uma guarnição.
Um agente secreto Cliff McPherson enviado de Washington chega ao Forte para investigar assassinatos contra os índios para com isso tentar uma solução aos atentados. 

 
Com a ajuda de Blade Carpenter, jornalista que também cobre a situação para o seu jornal, descobrem que os índios estão sendo manipulados pelo fazendeiro local Morton que quer assumir o controle do petróleo recém-descoberto na reserva indígena.
Morton utiliza-se de homens travestidos de soldados emboscando e matando índios para com esse plano impulsionar o conflito entre exército e índios.

 
McPherson descobrindo todo o plano, informa o Chefe Águia Negra da traição de Morton e os índios, em seguida, partem em um ataque aos homens de Morton, ajudando ao exército e aos colonos refugiados no Forte.
A intenção do fazendeiro era a de colocar o exército, colonos e índios em atrito uns contra os outros ficando de fora assistindo o conflito e com isso causar uma guerra entre eles para que ficasse com todas as terras para si e ter o controle total do petróleo da região.
O filme é curioso pela presença de Horst Frank ainda no começo de suas aparições no Espaghetti Western.

Locações em Colmenar - Madrid - Foto de 2009 Onde não existe mais o Forte.

Só achei que Tony Kendall interpretando o chefe índio, Águia Negra, aparentemente sem nenhuma expressão deveria demonstrar mais interesse com o conflito e a perda de seus guerreiros peles vermelhas.
Outra pequena aparição do ator velhinho Joseph Egger  [filmes de Leone] como vovô Buddy.
Interessante também é conhecer a música tema original “Kenn' ein land” [Costumes do lugar] executada no filme pelo próprio autor e cantor Ronny. O idioma do filme que é originalmente em alemão e por algumas falhas técnicas na dublagem para o inglês, apresentam ainda umas poucas frases em italiano e inglês (nada que prejudique o entendimento da história).

 
Infelizmente o Forte Eagle Rock em Colmenar-Espanha já não está mais lá por não resistir ao passar do tempo bom como muitos dos atores protagonistas desta aventura.
Um bom roteiro, fotografia e cenas de ação dentro dos padrões exigidos pelos fãs.

Saiba mais dos filmes rodados nas locações de Colmenar em:
http://play-dirty-almeria.com/madrid/colmenar/fort/index.htm

2 comentários:

  1. Respostas
    1. Bons filmes com grandes trilhas sonoras nem chegaram a serem exibidos no Brasil.
      Esse é um exemplo.
      Hoje temos oportunidades com os amigos da Internet em todo o mundo com parcerias e podemos conhecê-los.

      Excluir

Crítica, Opinião e Sugestão - Escreva Aqui: