Portal dedicado ao Espaghetti Western

Letras-Lyrics-Song-Sung-Espaghetti Western-História-Músicas-Entrevistas-Curiosidades-Pesquisa-Opinião-Atores Brasileiros no Espaghetti Western-Atualidades-Homenagens-Resenhas-Sinópses-Subtitles-Legendas-Filmes.

26 maio 2010

ANTHONY STEFFEN - BRASIL NO WESTERN SPAGHETTI 21


Um dos seus parceiros mais memoráveis foi “Fernando Sancho”, outro mito neste gênero. É quase impossível lembrar de um e não do outro.
No auge de sua carreira, com 1,90m de altura, olhos azuis, provocava as platéias femininas e os homens o respeitavam pela sua cara e postura de homem mau.
Fez parte de um time que contava com Clint Eastwood, Franco Nero, Giuliano Gemma, Gian Maria Volonté, Tomas Miliam, Lee Van Cleff, Klaus Kinski e protagonizou, entre 1965 e 1974 cerca de 30 westerns produzidos na Europa. Personagens como Django, Ringo, Sartana, Sabata, Garringo, foram imortalizados por estes atores e juntos ficaram conhecidos como os heróis de western-spaghetti, como ficaram conhecidas as fitas italianas do gênero ao contrário das produções de americanas conhecidas como Hollywoodianas.
Os produtores italianos queriam levar o resto do mundo a acreditar que os filmes rodados nos estúdios da Cinecittà, com cenas externas fotografadas na Espanha, eram americanas legítimas. Para isso, importaram atores made in USA (como Lee Van Cleef, Eastwood e John Ireland) e criaram pseudônimos para os artistas locais, que só atuavam dublados em inglês. Giuliano Gemma, por exemplo, virou Montgomery Wood e nosso Teffé tornou-se Anthony Steffen.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Crítica, Opinião e Sugestão - Escreva Aqui: