Portal dedicado ao Espaghetti Western

Letras-Lyrics-Song-Sung-Espaghetti Western-História-Músicas-Entrevistas-Curiosidades-Pesquisa-Opinião-Atores Brasileiros no Espaghetti Western-Atualidades-Homenagens-Resenhas-Sinópses-Subtitles-Legendas-Filmes.

30 maio 2013

Uma Bala Para O General - Brasil

Uma Bala Para O General - Brasil
Gringo – Brasil
El Chucho - Quien Sabe ?
A Bullet For The General - USA

Produção:  Espanha – México  1966
Direção: Damiano Damiani
Duração:  135 Minutos
Fotografia: Antonio Secchi (Tony Secchi)
História: Salvatore Laurani - Franco Solinas e Damiano Damiani
Produção: Bianco Manini - MCM (Roma)
Distribuição Original no Brasil: Reserva Especial
Música: Luis Enriques Bacalov  e conduzida por Bruno Nicolai
“Ya Me Voy” Interpretada Por Ramon Mereles e Cantores
Modernos de Alessandroni

Gian Maria Volonté - El Chuncho
Lou Castel - Bill Tate/El Nino/Americano/Gringo
Klaus Kinski - El Santo
José Manuel Martin - Raimundo
Santiago Santos - Guapo
Valentino Macchi - Pedrito
Martine Beswick - Adelita
Jaime Fernandez - General Elias
Andrea Checchi - Don Felipe
Spartaco Conversi - Cirillo
Joaquin Parra - Pepeito
Carla Gravina - Rosario
e com Aldo Sambrell  e Bianco Manini

Durante a revolução mexicana, um jovem americano misterioso “Bill Tate” (Castel) contratado pelo governo americano para matar um líder revolucionário, se une a um grupo de saqueadores liderados por El Chuncho (Volontè). 
A partir daí iniciam um série de ataques selvagens para roubar armas para um general rebelde “Elias”, mas quando o gringo resolve colocar em prática seus ideais juntamente com o grupo de bandidos, El Chuncho  descobre que as verdadeiras armas de guerra não pertencem a nenhum exército. 
Numa terra devastada pela pobreza e violência, será possível comprar a liberdade com uma única bala.
O filme traz ainda Klaus Kinsk no papel de “El Santo”, personagem inspirado no beato de “Deus e o diabo na terra do sol” , filme brasileiro de Glauber Rocha.
Primeiro western italiano com tema político. Um dos 10 melhores pela lista de Tom Betts do http://westernsallitaliana.blogspot.com.br/. (USA).

2 comentários:

  1. Quanto à produção desse excelene Zapata Western, houve a participação do México e da Espanha, mas como na grande maioria foi encabeçada por produtores italianos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Realmente e a Trilha Sonora dele também é fantástica como destaquei a canção "Yo me Voy".

      Excluir

Crítica, Opinião e Sugestão - Escreva Aqui: